Notícias

25 set Instituto Inova e Cedin firmam parceria

No último dia 25 de Setembro foi oficializada, pela Câmara Municipal de São Carlos, a parceria entre o Instituto Inova de São Carlos e o Cedin - Centro de Desenvolvimento das Indústrias Nascentes.

A oficialização faz parte do conjunto de ações que o Instituto Inova realiza para fomento e desenvolvimento científico e tecnológico de empresas e instituições de base tecnológica, por meio de atividades de consultoria, assessoria e como elo de ligação na transferência de tecnologia entre o meio acadêmico e o mercado.

Alagui Marques Pereira, gerente executivo do Cedin, e José Octavio Armani Paschoal, presidente do Instituto Inova, falam mais sobre a importância e os planos futuros da parceria:

Reportagem: Qual a importância da parceria entre Inova e Cedin?

Paschoal: A parceria é bastante benéfica para ambas as partes.

Do ponto de vista do Instituto Inova, como está prevista a instalação de uma incubadora no Parque Eco-Tecnológico, exercer a gestão desde já de uma incubadora nos dará uma grande experiência, partindo da experiência já conquistada pela atual equipe do Cedin, com o Marques à frente desta gestão.

Marques: Esta parceria é de vital importância para a continuidade das ações junto aos vários Programas de empreendedorismo que o Cedin vem realizando desde 2006.

O Instituto Inova, além de gestor do Programa Incubadora de Empresas, é também parceiro em várias ações desenvolvidas pelo Cedin, principalmente no fomento a criação de novas empresas de base tecnológicas em São Carlos.

R: O que a oficialização da parceria traz de benefícios práticos ao Cedin? E ao Inova?

P: Com a gestão do Cedin neste momento, podemos traçar estratégias mais avançadas em matéria de incubadora. Um exemplo seria separar as atividades das empresas que ainda estão testando a viabilidade técnica dos novos processos/produtos, etc., que designaremos como pré-incubação, e serão desenvolvidas no Cedin atual. Na fase em que as empresas já estão testando a viabilidade econômica, que designaremos incubação propriamente dita, o foco passa ser mercado, escala, financiamento, etc. Aí discutir modelos de negócios passa ser mais importante. Estas atividades serão desenvolvidas no Cedin 2, junto ao Parque.

M: Esta formalização é uma continuidade da ação desenvolvida há alguns meses junto à Secretaria de Desenvolvimento do Estado de São Paulo. Com a cessão de uso do atual prédio, que pertence ao Governo do Estado, sendo transferida para a Prefeitura Municipal de São Carlos, que é parceira do Programa Incubadora, foi necessário que se firmasse um convênio transferindo a responsabilidade pela administração do prédio à entidade gestora do Programa, ou seja, o Inova.

A grande vantagem deste convênio, além da formalização, é que o Inova passa a gerenciar o espaço físico em que as empresas assistidas pelo Programa encontram-se incubadas, sendo responsável pela gestão predial. Com isso todas as etapas deste processo ficam completas.

R: Quais os próximos passos da parceria? Quais projetos estão engatilhados?

P: O próximo passo é a implantação do Parque, com a construção do Núcleo de Inovação, onde será instalada a incubadora Cedin 2. Com esta fase concluída, poderemos separar as atividades descritas anteriormente.

O Inova já está realizando a gestão de 2 projetos sob a coordenação do Marques, os 2 em parceria com o Sebrae: projeto Sebraetec e o Projeto para gestão do Cedin e suporte às empresas incubadas.

M: Além desses dois projetos, estamos junto à Embrapa ajustando os últimos detalhes para que o Cedin possa receber o PROETA – Programa de Empreendedorismo Tecnológico para Incubação de Agronegócios criado pelo EMBRAPA. Estamos nos articulando rapidamente para prepararmos um espaço no Cedin onde possamos abrigar inicialmente 2 novas empresas que serão assistidas por este Programa.

R: De que forma o Instituto Inova auxilia o Cedin?

M: O Inova nos auxilia de diversas formas, sendo gestor de Programas, dando suporte jurídico às diversas ações promovidas pelo Cedin, promovendo a aproximação das ações de mercado e tecnologia para as micro e pequenas empresas assistidas pelos Programas em que atua como gestora, dentre outros.

R: Quais as principais áreas de atuação da parceria?

P: Não existe uma área específica de atuação. Na verdade, a principal característica do Pólo de São Carlos é a sua grande diversidade em temas multidisciplinares, porém com foco em resultado e na sinergia que esta diversidade oferece, propiciando o surgimento de novas empresas multidisciplinares.

Nenhum comentário

Postar comentário